Reunião de Coordenadores da ANPEd define planejamento e estratégia para 38a RN de 2017, no Maranhão

Reportagem: João Marcos Veiga. Imagens: João Marcos Veiga e Paulo Carrano

Coordenadores dos 23 Grupos de Trabalho (GTs) da ANPEd, do FORPREd, do FEPAE e do Comitê Científico, além da diretoria da Associação, estiveram reunidos nos dias 30 e 31 de agosto na Universidade Federal do Paraná (UFPR) em Curitiba. Os objetivos principais do encontro foram propiciar a socialização de informações sobre as atividades desenvolvidas, aprofundando o diálogo entre essas diferentes instâncias, e elaborar o planejamento da 38a Reunião Nacional da ANPEd - que acontecerá entre os dias 1 e 5 de outubro de 2017 na Universidade Federal do Maranhão (UFMA), em São Luís.

  • Clique aqui e confira mais imagens da reunião conjunta da ANPEd.

Após informes institucionais e da agenda da política educacional, os presentes contaram com apresentação por parte da secretaria e diretoria da ANPEd sobre a sede da 38a Reunião Nacional, relato das visitas técnicas, logística do encontro, orçamento preliminar e logomarca.

Na sequência da aprovação de itens como agenda acadêmica de 2017 e síntese da programação, assim como debates sobre assembleia ordinária,  exposições, mostras de filmes, pôsteres e resoluções, o encontro de Curitiba reafirmou a característica de construção coletiva das reuniões nacionais. É nesse sentido que foi aprovado, a partir de sugestões diversas, o tema do encontro no Maranhão, que tratará da pesquisa e da pós-graduação num contexto de riscos à Democracia e práticas de resistência. A temática norteará sessões e a própria conferência de abertura. Reunidos em subáreas, os GTs também definiram temas de Sessões Especiais e nomes de convidados estrangeiros.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

"Foi uma reunião muito produtiva. Definimos o tema da reunião nacional. Tendo em vista os temas de pesquisa tratados pelo GT23 e a subárea 2 que tratam de questões relativas à inclusão social, aos movimentos sociais, aos direitos civis e políticos. Neste momento importante da política nacional, várias decisões foram tomadas para que a Reunião Nacional esteja em consonância com o momento político do Brasil.  Vamos tratar da perda de direitos e da luta pela manutenção de uma série de direitos adquiridos."

Maria Rita Beatriz Cesar – coordenadora do GT 23

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

"Em conjunto com a Diretoria da ANPEd, definimos o tema da Reunião Nacional do ano que vem que ocorrerá no Maranhão e as sessões especiais muito motivados pela conjuntura. Mas também pensando que esta conjuntura trás alguns desafios de médio e longo prazo, e que se sustentam até o ano que vem, para a pesquisa e pós-graduação, a produção do conhecimento e a Democracia no Brasil e América Latina. Foi bastante produtiva nossa reunião, em especial, pela articulação demonstrada entre os GTs frente à diversidade dos temas e dos sujeitos e a interseção desses com as políticas educacionais. E isso é muito importante para nossa Associação." 

Ana Karina Brenner - coordenadora do GT03

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Homenagens

Assim como ocorreu nas últimas edições - à época através de parceria com a Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão (Secadi), a 38a Reunião Nacional contará com duas homenagens, em formatos diferentes. A primeira será em reconhecimento da trajetória de pesquisadores associados à ANPEd e dedicados aos Direitos Humanos. Esta se chamará “Homenagem Nilton Bueno Fischer”[1] - a ANPEd formará uma comissão para definir as escolhas, com a participação dos sócios individuais e institucionais. Além desta, será realizada sessão especialmente dedicada à memória das professoras e pesquisadoras Regina Leite Garcia (1930-2016) e Regina Vinhas Gracindo, falecida em novembro de 2015.

Conjuntura política

A reunião conjunta da ANPEd foi realizada, numa triste coincidência, no dia da destituição da presidenta Dilma Rousseff através de processo de impeachment do qual a Associação já havia se posicionado fortemente contrária. O momento não passou em branco nas considerações dos presentes. "Hoje foi um dia muito triste para a democracia brasileira. O primeiro ponto importantíssimo de nosso debate aqui foi reafirmar a defesa da educação pública, das políticas e da democracia. E não abriremos mão da defesa desses princípios, ainda que tenha se consolidado o que a gente entende ser um golpe na democracia neste país. Estaremos atentos para cobrar deste governo que assume de fato a titularidade do governo federal que a execução do Plano Nacional de Educação não seja posta em risco", afirmou a presidente da ANPEd, Andrea Gouveia.

 

[1] O professor e pesquisador Nilton Bueno Fischer foi Secretário Geral e Vice-Presidente da ANPEd. Conheça o Blog: http://sigamosnilton.blogspot.com.br/

Leia Também