A ANPEd e Fórum de Humanidades manifestam apoio ao CTC-ES e cobram da CAPES respeito à avaliação e à pós-graduação brasileira

O Fórum de Ciências Humanas, Sociais, Sociais Aplicadas, Letras, Linguística e Artes (FCHSSALLA) enviou nesta quarta-feira (15) carta à CAPES em apoio aos membros do Conselho Técnico Cientítico do Ensino Superior, instância responsável pela avaliação dos programas de pós-graduação, que têm sido desrespeitada em suas decisões e com ameaça de destituição. O  CTC-ES se manifestou ontem sobre a instabilidade das ações da agência de fomento, cortes bruscos de orçamento, mudanças na avaliação em curso e falta de diálogo com a comunidade acadêmica. A ANPEd e o FCHSSALLA repudiam este cenário, que compromete fortemente a pós-graduação e pesquisa brasileira. 

Confira a Carta Aberta do FCHSSALLA sobre a Gestão da CAPES

O Fórum de Ciências Humanas, Sociais, Sociais Aplicadas, Letras, Linguística e Artes (FCHSSALLA) vem a público manifestar sua concordância e solidariedade aos/às colegas do Conselho Técnico Científico do Ensino Superior (CTC-ES) da CAPES, do dia 14 de setembro, quando expressam suas legítimas preocupações com a condução da direção da entidade, especialmente neste momento de avaliação quadrienal.

Clique aqui e leia a carta do CTC-ES à CAPES

Os problemas de condução dos processos na CAPES já foram indicados pelo FCHSSALLA, e inúmeras outras entidades, em abaixo-assinados e documentos produzidos anteriormente, sendo um deles com cerca de 4 mil assinaturas. Nestes foram apontados não apenas os problemas decorrentes de cortes orçamentários bruscos, desrespeito às decisões do Conselho TécnicoCientífico e do Conselho Superior, modificações nas regras da avaliação com esta em curso, além da colocação em postos chave de gestão de pessoas sem as qualificações acadêmicas mínimas esperadas para tais espaços, ações que fragilizam sobremaneira a instituição e desvirtuam seu caráter.

A carta aberta dos membros/as do CTC-ES expõe o fato de que a presidência da CAPES, ao acenar com a possibilidade destituição dos/as membros/as deste órgão que coordena o processo avaliativo dos programas de pós-graduação, no momento de avaliação, amplia ainda mais as dificuldades enfrentadas pela comunidade acadêmica frente ao complexo e sério processo que tem sido a avaliação do Sistema Nacional de Pós-Graduação brasileiro.

Estas ações indicam o acelerado desgaste das relações entre a presidência da CAPES e a comunidade acadêmica que forma o sistema de pós-graduação brasileiro. Nesse sentido, o FCHSSALLA conclama as associações filiadas para mobilizarem seus/as pesquisadores/as para ficarem atento/as e à postos em relação às medidas que estão em curso e que podem comprometer o sistema de avaliação baseado na construção e aperfeiçoamento mediante a relação entre os pares. A CAPES é uma agência que faz parte de uma política de Estado contínua e precisa ser defendida.

Gestão Colegiada FCHSSALLA

15 de setembro de 2021

Leia Também

Educação

Educação

Posicionamentos da ANPEd